António Guterres defende respeito aos direitos humanos na Venezuela

António Guterres defende respeito aos direitos humanos na Venezuela

0 106

EFE

António Guterres, secretário-geral da ONU, defendeu a democracia e o respeito aos direitos humanos na Venezuela. “Acredito que é fundamental ter uma Venezuela democrática, onde os direitos humanos sejam respeitados”, disse o ex-primeiro-ministro de Portugal numa entrevista à uma emissora de rádio mexicana.

Para Guterres, a Venezuela vive uma “situação cinza”, com situações muito preocupantes. O secretário-geral expressou confiança de que é possível voltar para um caminho em que todos se sintam parte de um sistema político.

O secretário-geral das Nações Unidas reiterou que o diálogo é a única forma para solucionar os problemas internos de um país, ao destacar que na Venezuela há dois riscos importantes que devem ser evitados. Para isso, avaliou Guterres, a América Latina teve uma contribuição importante.

“É preciso evitar uma intervenção exterior e o autoritarismo”, afirmou o titular da ONU, que destacou a importância de um diálogo entre o governo e a oposição “no marco da democracia”.

Guterres lembro que há décadas não ocorrem intervenções militares na América Latina. “Tampouco eles evoluíram para a tirania e para o autoritarismo”, explicou.

NO COMMENTS

Leave a Reply