Artur Pastor

Artur Pastor

Esta semana, apresentamos-lhe uma imagem da zona nascente da praia e vila de Sesimbra, em Setúbal, que pertence ao distrito de Lisboa. A fotografia foi tirada por Artur Pastor na década de 40 do século passado. Ao fundo, mostra um galpão onde as lanchas eram reparadas, e demais ferramentas de trabalho. Em frente, na praia, os botes e redes usadas pelos pescadores.

Artur Pastor foi um fotógrafo português que nasceu em Alter do Chão a 1 de Maio de 1922 e morreu em Lisboa a 17 de Setembro de 1999. Terminou o curso de Regente Agrícola em Évora, em 1942. O seu primeiro trabalho em fotografia foi para a tese final de curso, e foi isso que o fez apaixonar pela fotografia.

No início da década de 50, foi trabalhar para Montalegre, Vila Real, numa missão como enviado do Ministério da Agricultura. Em 1953, mudou-se para Lisboa e fez parte do Foto Club 6X6. Trabalhou para o Estado durante quase 30 anos, como engenheiro técnico agrícola. Ao longo dessa época, teve a responsabilidade de dez mil fotos que fazem parte da Fototeca da Direcção Geral de Serviços Agrícolas. Graças aos serviços prestados, recebeu, da parte do Ministério da Agricultura, a distinção de Oficial da Ordem do Mérito Agrícola e Industrial.

Foram organizadas 14 exposições fotográficas da sua obra: Motivos do Sul (Olhão, Janeiro de 1946), Motivos do Sul (Évora, Junho de 1946) Apontamentos de Lisboa (1986), Pequena Mostra de Fotografias de Artur Pastor (Lisboa, Junho de 1986), Algarve (Anos 50-60) Alguns Apontamentos (Albufeira, 1998), «Artur Pastor O Domador de Rolleiflex” (Porto, 2006), História(s) da Terra: Fotografias de Artur Pastor (Serra da Estrela, 2006) e Nazaré de Artur Pastor (Nazaré, 2008). A juntar isso, várias mostras internacionais em diferentes países: Espanha, Inglaterra, Brasil, Bélgica e Luxemburgo.

Nas suas colecções de imagens mais famosas, encontram-se: Rota dos pescadores (década de 40), Nazaré (1950), as fotos da romaria a São Bartolomeu do Mar, no dia 24 de Agosto de 1953, Algarve (1965), entre muitas outras.

NO COMMENTS

Leave a Reply