Culinária

0 32

Ingredientes

400 g entrecosto

100 g toucinho

100 g chispe de porco

100 g orelha de porco cozida

1 chouriço de sangue

1 chouriço carne

2 c. de chá sal

1 repolho pequeno

4 cenouras

1 dl azeite

4 dentes de alho

1 cebola grande

1 folha de louro

400 g tomate pelado aos cubos

0,5 dl polpa de tomate

500 g feijão vermelho cozido

1,5 c. de chá pimenta preta moída

Preparação:

  1. Num tacho coza as carnes, previamente lavadas, e os chouriços em água temperada com 1 c. de chá de sal.
  2. À medida que vão ficando cozidas, retire-as do lume e vá cortando aos pedaços. Reserve o caldo da cozedura
  3. Separe as folhas do repolho e lave-as em água corrente. Descasque as cenouras e corte-as em rodelas finas. Coza o repolho e as cenouras ligeiramente em água temperada com 1 c. de chá de sal. Retire-as para água fria e reserve.
  4. Num tacho, refogue em azeite os alhos e a cebola finamente picados e junte a folha de louro. Deixe alourar.
  5. Acrescente o tomate pelado aos cubos e a polpa de tomate. Deixe apurar.
  6. Junte as carnes, o feijão escorrido e um pouco do caldo da cozedura. Deixe cozinhar durante 10 minutos.
  7. Acrescente os chouriços cortados aos pedaços e o repolho.
  8. Tempere com pimenta e deixe apurar em lume médio. Sugestão de acompanhamento: arroz branco (cozido com o restante caldo da carne).

0 67

Ingredientes

1 kg de farinha

750 gr de Batatas doces

25 gr de Fermento de padeiro

1 pitada de Sal

Água

Preparação

Descasque as batatas, leve a cozer em água e reduza-as a puré.

Desfaça o fermento num pouco de água (150 ml +-) e adicione também o sal.

Coloque a farinha numa superfície limpa, abra um buraco no meio e coloque a batata doce e o fermento. Deixe a massa fermentar durante 2 a 3 horas.

Divida a massa em pequenas porções e espalme-as (numa superfície polvilhada com farinha). de seguida coza o bolo de caco numa chapa bem quente, de ambos os lados.

Sugestão:

Barre com manteiga de alho, salsa picada e e um pouco de sal. Diz-se que antigamente era de basalto a pedra onde se cozia o bolo do caco. Hoje vendem-se na Madeira nas casas de artigos de construção placas de cimento que substituem as referidas pedras de basalto. É condição para a boa cozedura do bolo do caco que a pedra esteja escaldante, sendo aquecida por meio de qualquer combustível, podendo até ser usado para o efeito um vulgar fogão a gás.

0 51

Ingredientes

4 postas de bacalhau grosso de muito boa qualidade

2 dl de azeite

4 dentes de alho

1 kg de batatas

sal

1 molho de grelos

2 ovos

cebola

azeitonas

Confecção:

Ponha o bacalhau de molho durante 48 horas.

Escorra e enxugue as postas num pano.

Asse o bacalhau nas brasas de carvão ardido, tendo o cuidado de o voltar.

À parte, leve um tacho ao lume com o azeite e os alhos cortados em rodelas e deixe aquecer.

Quando o bacalhau estiver assado, tire-o das brasas e desfaça-o em lascas.

Meta-as no azeite, durante algum tempo, para amaciarem.

Lave as batatas com a casca e leve-as a assar, inteiras no forno.

Quando estiverem assadas, esborrache-as com a mão, apertando-as, e deite em cada abertura uma pitada de sal refinado.

Coloque o bacalhau no centro do prato de serviço, de preferência de barro, e à volta disponha as batatas.

Nos intervalos introduza grelos cozidos e salteados em azeite e temperados com uma ponta de alho.

Enfeite com rodelas de ovo cozido, rodelas de cebola e algumas azeitonas.

Regue o bacalhau com o azeite, onde esteve a amaciar, mas bem quente.

0 69

Ingredientes 

500 gr de bacalhau ;

500 gr de batatas ;

2 cebolas ;

1 dente de alho ;

1 folha de louro ;

2 ovos cozidos ;

1,5 dl de azeite ;

azeitonas pretas ;

Salsa, sal e pimenta q.b.

Confecção :

Demolhe o bacalhau, coloque-o num tacho e escalde-o com àgua a ferver.

Tape e abafe o recipiente com um cobertor e deixe ficar assim durante 20 minutos.

Escorra o bacalhau, retire-lhe as peles e as espinhas e desfaça-o em lascas.

Ponha estas num recipiente fundo, cubra-as com leite bem quente e deixe ficar de infusão durante 1.30 a 3 horas.

Entretanto, corte as cebolas e o dente de alho ás rodelas e leve a alourar ligeiramente com um pouco de azeite. Junte as batatas, que foram cozidas com a pele, e depois peladas e cortadas às rodelas.

Junte o bacalhau escorrido.

Mexa tudo ligeiramente, mas sem deixar refogar. Tempere com sal e pimenta.

Deite imediatamente num tabuleiro de barro e leve a forno bem quente durante 10 minutos.

Sirva no prato em que foi ao forno, polvilhado com salsa picada e enfeitado com rodelas de ovo cozido e azeitonas pretas.

0 81

Ingredientes:

12 fatias de pão de forma, com 1,5 cm de espessura ;

12 gemas + 1 clara ;

750 g de açúcar ;

limão ;

canela em pó ;

2 colheres de sopa de doce de chila ;

granjeia prateada

 

Confecção:

O pão de forma deve ser de véspera. Apara-se a côdea. Batem-se as gemas com a clara e passa-se a mistura por um passador.

Leva-se o açúcar ao lume com 2,5 dl de água e uma casca de limão e deixa-se ferver até se obter ponto de pérola (108º C). Junta-se um pouco de sumo de limão. Retira-se cerca de metade desta calda e reserva-se.

Passam-se as fatias pelas gemas deixando-as abeberar bem. Escorrem-se ligeiramente e cozem-se na calda dos dois lados (como quem frita rabanadas). Colocam-se as fatias na travessa de serviço. Polvilham-se com canela.

À medida que se vão cozendo as fatias, é necessário acrescentar a calda, pelo que se recorre à que se reservou.

Enfeita-se a travessa com papel franjado e espalham-se sobre as fatias algumas granjeias prateadas e os fios de abóbora chila.

0 66

Ingredientes:

1 molho de espinafres

1 molhinho de coentros

2 dentes de alho

4 ovos

250 g de pão de trigo caseiro

sal q.b.

Confecção:

Esmagam-se num almofariz os coentros e os dentes de alho com sal grosso.

Em seguida deita-se esta pasta num tacho de barro que já se encontra ao lume com azeite quente. Deixa-se refogar um pouco.

Juntam-se os espinafres já escaldados e cortados.

Depois de apurar, rega-se com água necessária para a sopa (cerca de 2 litros). Deixa-se ferver.

Entretanto corta-se o pão em fatias finas.

Pouco tempo antes de servir, rectifica-se o sal e escalfam-se os ovos no caldo da sopa.

Divide-se o pão por tigelas (ou colocam-se em terrina), rega-se com a sopa e coloca-se um ovo em cada tigela.

0 92

Ingredientes

4 ovos ;

1 limão ;

35 gr de manteiga ;

1 colher de sopa de azeite ;

1 colher de sopa de fermento em pó ;

1 colher de chá de canela ;

farinha para tender

500 gr de açúcar ;

2 dl de água

Confecção:

Bata os ovos inteiros com a casca do limão ralada, a manteiga derretida, o azeite, a canela e a farinha, até tender. Deixe descansar a massa cerca de 1 hora. Tenda argolas e frite-as em óleo quente. Deixe arrefecer.

Entretanto, faça a calda: Leve o açúcar e a água ao lume, num tacho largo, até atingir o ponto de espadana. Junte as argolas e, rapidamente, sacuda o tacho.

0 91

Ingredientes:
1 requeijão ;
2 colheres de sopa de açúcar ;
1 colher de sopa de farinha ;
1 ovo ;
azeite e farinha

Confecção:
Peneira-se o açúcar com a farinha, junta-se o ovo e mexe-se sem bater. Esmaga-se o requeijão com um garfo e junta-se ao preparado anterior, misturando mal com a ajuda do garfo. Colocam-se montinhos do preparado de requeijão num tabuleiro untado com azeite e polvilhado com farinha. Leva-se a cozer em forno quente.
Outra versão: Bate-se bem o ovo com o açúcar. Junta-se a farinha e depois o requeijão. Envolve-se sem bater. Tendem-se as broinhas como se diz, pincelam-se com gema de ovo e levam-se a cozer em forno forte.

0 80

Ingredientes:
1 Kg. de lombinhos de porco
2 Dl. de vinho tinto
3 Dentes de alho
Pimenta (q.b.)
Sal ( q.b.)
1,5 Kg. de batatinhas pequenas
1 Dl. de azeite
4 Dentes de alho
Sal (q.b.)

Confecção:
Espalme os lombinhos.
Tempere-os com o vinho tinto, os alhos laminados, o sal e a pimenta e deixe a marinar durante 3 dias em lugar fresco.
Ao fim deste tempo prepare as batatas, tendo o cuidado de as lavar muito bem.
Coza-as com um pouco de sal a mais e sem as descascar. Quando as batatas estiverem cozidas, escorra-as, descasque-as, esmurre-as ligeiramente e salteie-as numa frigideira com o azeite e os alhos.
Entretanto, grelhe os lombinhos em fogareiro de carvão ou na brasa da lareira.
Sirva acompanhado com grelos de nabo ou de nabiça, temperados com azeite e alho e acompanhado com broa de milho.

0 69

Ingredientes
250 g de grão ;
500 g de vagens (feijão verde) ;
250 g de batatas ;
1 fatia de abóbora-menina ;
300 g de carne de borrego para cozer ;
100 g de toucinho ;
1 chouriço de carne (linguiça) ;
1 farinheira ;
200 g de pão caseiro (duro) ;
sal ;
hortelã

Confecção:
Põe-se o grão em água e sal durante 12 horas. Passado esse tempo, coze-se.
Numa panela com água suficiente põe-se a carne de borrego, o toucinho, o chouriço, a farinheira, e leva-se ao lume a cozer.
Depois de as carnes estarem cozidas, retiram-se da água. Arranjam-se e lavam-se as vagens, as batatas e a abóbora cortada em bocados. Deitam-se na água em que se cozeram as carnes, assim como o grão escorrido.
Depois de tudo cozido, cortam-se as carnes em bocadinhos.
Dispõem-se no centro de uma travessa o grão, as vagens, as batatas e a abóbora. À volta colocam-se as carnes cortadas.
Cortam-se fatias de pão duro e dispõem-se numa terrina. Espalham-se por cima alguns raminhos de hortelã. Deita-se o caldo a ferver sobre as fatias de pão.
Acompanha-se com as carnes, o grão, as vagens, as batatas e a abóbora.