Saúde

0 35

Estudos comprovaram que as águas extremamente salgadas do Mar Muerto, em Israel, podem reduzir bastante os níveis de glucose no sangue.

Silvia C Di Frisco
sdifrisco@correiodevenezuela.com

Um grupo de cientistas israelitas da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Ben – Gurión,

0 94
  1. Pequeno-almoço: é a refeição mais importante porque te dá a energia necessária para concretizar as tuas atividades. Inclui iogurte com fruta fresca e granola.
  2. Substitui os fritos por assados: evita os alimentos fritos ou com muito óleo e consome grelhados, pratos no forno ou cozidos.
  3. Regra QQF (Qualidade, Quantidade e Frequência): não existem alimentos maus; a chave está em saber combiná-los para ingerir uma quantidade adequada de calorias.
  4. Pratos coloridos: inclui uma maior quantidade de cores na tua alimentação saudável, para que proporciones ao teu corpo diferentes nutrientes enquanto consomes uma comida atrativa.
  5. Come peixe: inclui peixe fresco como salmão, sardinha e atum nos teus alimentos, pois estes contêm Omega 3, que ajuda a prevenir as doenças do coração.
  6. Não te esqueças de jantar: consome alimentos ligeiros, não muito pesados ou com gorduras, para que não alterem o sono. Um bom exemplo é uma pequena razão de nozes.
  7. Reduz a ingestão de carne: tenta não consumir mais de duas ou três vezes por semana carne e substitui-a por legumes e grãos. Aumenta o consumo de vitaminas, minerais e fibra.
  8. Opta por gorduras sãs: troca lácteos baixos em gordura por saudáveis para o coração como gorduras não saturadas (como por exemplo óleo de canola, oliva e amendoim).
  9. Diminui as calorias: ao reduzir cem calorias na tua ingestão diária de alimentos, podes perder até 4,5 quilos num ano. Substitui uma taça de creme por uma de sopa de verduras.
  10. Aumenta a fibra: o consumo médio de alimentos deste tipo é de 20 a 38 gramas por dia para homens e mulheres. Podes comer cinco frutas ou verduras ao dia.