Cidade

O Governo estima que 1.100 pessoas já tenham beneficiado da acção do Gabinete. O número de quatro mil emigrantes estabilizou, mas não significa que sejam sempre os mesmos

ÉLVIO PASSOS / DN MADEIRA

Criado pela Resolução do Conselho de Governo 354/2017 de 1 de junho, o Gabinete de Apoio aos Emigrantes Madeirenses regressados da República Bolivariana da Venezuela já foi procurado por meio milhar de pessoas.