Dicas para ter dentes perfeitos

Dicas para ter dentes perfeitos

0 165

A dentição tem o poder de conferir uma aparência mais velha ou mais nova à pessoa, dependendo do seu aspeto e saúde. Recentemente, a revista Women’s Health divulgou os três problemas mais comuns associados aos dentes e conselhos para tornar o seu sorriso mais alinhado, conseguir uns dentes mais brancos e reparar a linha das gengivas.

Os dentes têm memória nas suas fibras, ou seja mesmo que tenha usado aparelho, estes tentarão ‘regressar’ aos locais originais. Adicionalmente, procedimentos como restaurações e coroas podem provocar para a sobreposição dos dentes, e a mastigação e a tensão também os desgastam ao longo do tempo, tornando-os menores e criando lacunas. Por outras palavras, em qualquer local com espaço (ainda que mínimo), os dentes irão mover-se ou inclusive sobreporem-se para preencher o buraco.

Lavar e passar o fio dental pode ajudar a evitar cavidades e a necessidade de preenchimento, ainda que todos os dentes mudem gradualmente de lugar durante a vida. Se os seus se moveram muito e tal o incomodar, questione o seu dentista acerca do Invisalign, um aparelho transparente que pode usar dia e noite.

À medida que envelhecemos, a camada externa do esmalte dos dentes dilui-se, expondo o interior, que tem uma matiz amarelada. Fumar e ingerir alimentos ou bebidas como café ou chá preto contribuem significativamente para a descoloração dental, sobretudo se não lavar os dentes logo após o seu consumo.

De modo a combater o tom amarelado da dentição, se aconselha usar fitas clareadoras com uma elevada percentagem de peróxido de hidrogénio. Todavia, evite os produtos que prometem branquear os dentesem 30 minutos ou menos (contêm peróxido de maior sensibilização) e não clareie mais de duas vezes por ano. O exagero pode tornar os dentes bizarramente translúcidos e com um aspeto nada naturalmente.

A espessura do tecido da sua gengiva é genética; a gengivite é culpa sua. Anos de crescimento de placa e escovação agressiva desgastam a gengiva. Além disso, envelhecer diminui o fluxo de saliva, que ajuda a lavar a bactéria que causa a placa.

É imperativo lavar os dentes regular e apropiadamente. Pelo menos duas vezes por dia, use uma escova de cerdas macias, mais brandas nas gengivas, para massajar os dentes em movimentos circulares na frente, atrás e dos lados. E não se esqueça do fio dental: este remove os alimentos, previne a placa e permite o fluxo de oxigénio entre os dentes e a gengiva.

NO COMMENTS

Leave a Reply