Doenças difíceis de diagnosticar

Doenças difíceis de diagnosticar

0 349

Médicos podem ter falhas ou deixar passar informação determinante num diagnóstico

Embora a medicina seja uma ciência que avança todos os dias, há doenças cujo diagnóstico é ainda muito complexo. Como tal, os médicos devem analisar uma série de fatores que, ao unir as peças do quebra-cabeças, permitam saber qual é o prognóstico mais acertado sobre a patologia do doente.

É preciso ter em conta que, embora os médicos sejam pessoas preparadas, também são seres humanos: existem falhas nos resultados, em históricos médicos e inclusive omissões de informação no momento do exame diagnóstico que poderiam ser essenciais na hora de desvendar qual era a causa do mal-estar do paciente.

Uma das patologias que mais problemas apresenta no diagnóstico são as desordens psicológicas; contudo, há cinco patologias que são realmente difíceis de diagnosticar.

Hipotiroidismo: alteração que provoca um défice das hormonas tiroideas. Nos primeiros estádios é assintomática, ou apresenta uns problemas muito leves que podem dever-se a muitas causas. A fadiga, a secura da pele ou a dor nos músculos, juntamente com as alterações de peso drásticas, são alguns dos sintomas que se devem ter em conta.

Asma: problema respiratório que costuma estar associado a falsos diagnósticos. Muitas pessoas, ao apresentarem crises respiratórias, começam a ser tratadas com inaladores, sem realizar a prova prévia (espirometria), através da qual pode-se ficar a saber se realmente se sofre de asma.

Intestino irritável: conjunto de transtornos das funções do intestino. Dentro deste termo, estão centenas de sintomas. Chegamos a este prognóstico após descartar o resto das possibilidades e é preciso não confundi-lo com outras patologias, como síndrome da intolerância ao glúten não celíaco (SGNC), que tem síndromes semelhantes.

Celiaquia: uma das mais complicadas patologias com difícil diagnóstico, que costuma passar despercebida em cinco de cada seis pacientes. Atualmente, tenta-se descobrir a doença através de uma análise de sangue, ou uma enteroscopia, onde se avaliam os danos que a doença tem provocado no intestino delgado.

Artritis reumatoide: doença autoimune que consiste numa inflamação das articulações, deteriorando-as de forma paulatina. Não existe uma cura nem se conhecem exatamente as causas exatas do porquê do seu surgimento. Afeta até 1% da população mundial.

SIMILAR ARTICLES

NO COMMENTS

Leave a Reply