Percorrendo a Venezuela: Los Roques

Percorrendo a Venezuela: Los Roques

0 466

A Venezuela não é apenas um país de gente amável e de gastronomia rica: É também um território com paisagens de grandes contrastes. Quem vem pela primeira vez a terras crioulas, fica absorvido pela magnitude e pela beleza das suas paisagens. E quem vem à Venezuela, fica com ela no coração.

Com uma superfície marinha e terrestre de 225.153 hectares, este magnífico local inclui mais de 50 ilhotas, a ilha de Gran Roque e recifes de coral, o que o torna no local favorito dos turistas que vêm à Venezuela.

Situado no Mar Caribe, a norte do país, este conjunto de recifes tem uma extensão maior do que as Ilhas Virgens. Entre todas as ilhas pertencentes ao arquipélago, a mais importante é Gran Roque, que oferece duas zonas totalmente diferentes: A primeira é uma pequena cadeia montanhosa de mais de dois quilómetros de extensão. A segunda zona compreende terrenos baixos e arenosos com lagoas de água salgada onde se coalha o sal.

As outras ilhas mais importantes são Francisqui, Nordisqui, Madrisqui e Crasqui. No entanto, não se conforme apenas com estas ilhotas (‘cayos): Pode conhecer a ilhota de Rasqui, onde a única coisa que existe é uma pousada com poucos quartos, o que a torna numa ilha privada; também pode ir até Cayo de Agua, uma ilhota deserta com águas cristalinas; pode passear em Fabián, uma mini ilhota que emerge das águas, ou ir a Dos Mesquises, onde a Fundação Científica Los Roques tem um programa chamado ‘Adopta uma Tartaruga’, que permite às pessoas apadrinhar um destes animais.

O que torna Los Roques um paraíso é a extensão de mar tranquilo e as praias de areias brancas e águas cristalinas, o que converte o arquipélago num lugar perfeito para os fãs do mergulho e do ‘snorkeling’. Para além disso, a grande variedade de espécies que o parque alberga tornam-no num dos ecossistemas marinhos costeiros mais representativos do país.

No Parque Nacional, os pescadores praticam o mergulho a pulmão, que pode ser direccionado para a captura do búzio e da lagosta; esta última é o recurso pesqueiro mais importante do arquipélago, de onde provém quase 98% da produção nacional.

Se não conhece Los Roques, pode desfrutar de uma viagem de um dia saindo de Maiquetía ou Porlamaren bem cedo e regressar na tarde do mesmo dia, com tudo incluído.

Editor - Jefe de Redacción / Periodista sferreira@correiodevenezuela.com Egresado de la Universidad Católica Andrés Bello como Licenciado en Comunicación Social, mención periodismo, con mención honorífica Cum Laude. Inició su formación profesional como redactor de las publicaciones digitales “Factum” y “Business & Management”, además de ser colaborador para la revista “Bowling al día” y el diario El Nacional. Forma parte del equipo del CORREIO da Venezuela desde el año 2009, desempeñándose como periodista, editor, jefe de redacción y coordinador general. El trabajo en nuestro medio lo ha alternado con cursos en Community Management, lo que le ha permitido llevar las cuentas de diferentes empresas. En el año 2012 debutó como diseñador de joyas con su marca Pistacho's Accesorios y un año más tarde creó la Fundación Manos de Esperanza, en pro de la lucha contra el cáncer infantil en Venezuela. En 2013 fungió como director de Comunicaciones del Premio Torbellino Flamenco. Actualmente, además de ser el Editor de nuestro medio y corresponsal del Diário de Notícias da Madeira, también funge como el encargado de las Comunicaciones Culturales de la Asociación Civil Centro Portugués.

SIMILAR ARTICLES

0 322

0 44

NO COMMENTS

Leave a Reply