Percorrendo a Venezuela: Mérida

Percorrendo a Venezuela: Mérida

0 711

A Venezuela não é apenas um país de gente amável e de gastronomia rica: É também um território com paisagens de grandes contrastes.

Com uma altura de 1.600 metros acima do nível do mar, o estado Mérida recebe, todos os meses, os amantes do clima frio. Fundada em 1558, Santiago de Los Caballeros de Mérida é actualmente uma bela cidade rodeada de imponentes ‘paramos’ cujos habitantes fazem honra do seu gentílico.

Em plena cidade, pode visitar a Plaza Bolívar, ir ao Mercado Artesanal ou provar um gelado na Geladaria Coromoto, que entrou no Livro do Guinness com os seus 800 sabores de gelado.

Um dos atractivos da cidade é o teleférico mais alto do mundo, com 12,5 quilómetros, que chega até Pico Espejo, a 4.765 metros sobre o nível do mar. Dali, pode avistar os picos mais altos do parque, que estão sempre cobertos de neve, durante todo o ano: O Pico Bolívar, com os seus 5.007 metros de altura, e o Pico Humboldt, de 4.942 metros.

Em Mérida existem mais de 70 lagoas de águas glaciares, entre as quais se pode encontrar a de Mucubají, Los Lentes e La Laguna Negra, todas com temperaturas abaixo dos 13 º C. Também é possível arrendar uma cabana com a sua chaminé em qualquer povoação de montanha e fazer excursões pelas montanhas em bicicleta ou a cavalo, desfrutar de rios e águas gélidas ou praticar escalada.

Existe sempre a opção de visitar a povoação de Tabay e subir até às águas termais ou ao Parque La Mucuy, onde pode encontrar quiosques com venda de comida e uma zona para acampar, com autorização prévia.

Outros dos percursos quase obrigatórios são os do Parque de Los Chorros de Milla, com a sua cascata e o zoológico, ou seguir a povoação de Los Aleros, que o receberá com uma tradição de meados do século passado, com a sua colecção de carros, o seu casamento típico e a sua estação de rádio.

Se somarmos a tudo isto a praia tropical de Palmarito, situada no lado sul oriental do lago Maracaibo, teremos como resultado um estado com grande diversidade de climas e geografia.

Editor - Jefe de Redacción / Periodista sferreira@correiodevenezuela.com Egresado de la Universidad Católica Andrés Bello como Licenciado en Comunicación Social, mención periodismo, con mención honorífica Cum Laude. Inició su formación profesional como redactor de las publicaciones digitales “Factum” y “Business & Management”, además de ser colaborador para la revista “Bowling al día” y el diario El Nacional. Forma parte del equipo del CORREIO da Venezuela desde el año 2009, desempeñándose como periodista, editor, jefe de redacción y coordinador general. El trabajo en nuestro medio lo ha alternado con cursos en Community Management, lo que le ha permitido llevar las cuentas de diferentes empresas. En el año 2012 debutó como diseñador de joyas con su marca Pistacho's Accesorios y un año más tarde creó la Fundación Manos de Esperanza, en pro de la lucha contra el cáncer infantil en Venezuela. En 2013 fungió como director de Comunicaciones del Premio Torbellino Flamenco. Actualmente, además de ser el Editor de nuestro medio y corresponsal del Diário de Notícias da Madeira, también funge como el encargado de las Comunicaciones Culturales de la Asociación Civil Centro Portugués.

SIMILAR ARTICLES

NO COMMENTS

Leave a Reply