Balanço Covid-19 Venezuela: 143 infetados e 3 mortos

Balanço Covid-19 Venezuela: 143 infetados e 3 mortos

0 368
Imagem: Correio da Venezuela

A Venezuela registou hoje oito novos casos do novo coronavírus no país, elevando para 143 o número confirmado de infectados com covid-19.

O número de mortos confirmados mantém-se oficialmente em três. O anúncio foi feito pelo presidente da Venezuela, Nicolás Maduro.

Apesar das determinações feitas pelo governo bolivariano para conter o avanço do coronavírus, na noite desta segunda-feira (30)  18 pessoas foram presas por participarem de uma festa clandestina em um bairro de classe média alta em Caracas. Após avaliação médica, o exame de pelo menos duas dessas pessoas deu positivo para a Covid-19.

De acordo com o procurador geral, Tarek William Saab, elas são acusadas de violar o decreto presidencial de quarentena, de alteração da ordem pública e de resistir à autoridade.

Entre os esforços para conter o avanço da Covid-19, um hotel de Caracas disponibilizou suas instalações para receber pessoas em isolamento preventivo. Já a uma das destilarias do país decidiu interromper a tradicional produção de rum para elaborar álcool antisséptico. O produto será vendido a preços acessíveis à população.

A Venezuela está desde 13 de março em “estado de alerta”, o que permite ao executivo decretar “decisões drásticas” para combater a pandemia.

O “estado de alerta” foi decretado por 30 dias, que podem ser prolongados por igual período.

Os voos nacionais e internacionais estão restringidos no país.

Desde 16 de março que os venezuelanos estão em quarentena, estando impedidos de circular livremente entre os 24 Estados do país.

As clínicas e hospitais estão abertos, enquanto farmácias, supermercados, padarias e restaurantes estão a funcionar em horário reduzido, com estes últimos a vender apenas comida para fora.

NO COMMENTS

Leave a Reply