100 passageiros da Venezuela em trânsito para a Madeira

0
50

Emigrantes e lusodescendentes que residem na Venezuela têm contornado as restrições aéreas no país e aterrado na Madeira ao longo destes dias.

As entradas e saídas na Venezuela continuam muito condicionadas. Desde o encerramento do espaço aéreo em terras de Simón Bolívar que emigrantes e lusodescendentes têm tido muitas dificuldades nas deslocações até à Madeira. Ainda assim, até dezembro de 2020, foram alguns os voos especiais organizados pelo Governo português que permitiram repatriar alguns desses cidadãos.

Neste momento, sem solução à vista e com o regresso da TAP apenas agendado para novembro, as agências de viagens têm procurado contornar as restrições, ao programarem ligações aéreas especiais.

Foi o caso da BlessViajes, agência que Renato Amaral dirige e que organizou um voo especial de Caracas até Madrid operado pela Iberia, com posterior ligação até ao Funchal.

De acordo com informações recolhidas pelo JM, o voo, que trouxe cerca de 100 passageiros com destino final a Madeira, saiu na terça-feira completamente cheio da capital venezuelana, por volta das 13h00 (18h00 na Madeira), aterrando em Barajas durante a madrugada de ontem.

Parte significativa destes 100 passageiros terá viajado para a Madeira esta quarta-feira, no voo operado pela Iberia, que partiu da capital espanhola às 16h12 locais (15h12 na Madeira) e aterrou na Região às 17h29. O JM sabe que os restantes passageiros deverão chegar a ‘conta-gotas’ e efetuar ligações entre Madrid, Lisboa e a Madeira.

Além deste último voo operado pela Iberia desde Caracas, a PlusUltra, companhia aérea privada espanhola, realizou no passado sábado ligação aérea até Madrid. No entanto, o voo atrasou-se, deixando alguns passageiros com destino final a Madeira sem ligação até ao Funchal.

“Isto é o que vamos tendo atualmente para sair da Venezuela”, lamentou Renato Amaral, diretor da BlessViajes.

Apesar de todas as restrições aéreas, os emigrantes madeirenses e seus descendentes têm aterrado no Aeroporto Internacional da Madeira ao longo destes dias.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here