15,5% da população portuguesa tinha anticorpos para o coronavírus em março

0
232

Menos de um sexto da população residente em Portugal – 15,5% – tinha, no final de Março, anticorpos específicos para o novo coronavírus em Portugal, conferidos pela infecção natural e pela vacinação, avança o Público, com base nos resultados preliminares da segunda fase do inquérito serológico nacional que foram divulgados esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge.

Os resultados da segunda fase do inquérito nacional indicam que a seroprevalência é mais elevada na população adulta em idade activa e mais reduzida no grupo entre os 70 e os 79 anos.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here