Finanças pessoais instantâneas: «A tarefa de aferir os resultados de uma empresa não tem fim»

0
812

Rafael tem muitas ideias acerca de actividades nas quais pode envolver o centro médico pertencente à sua família e onde trabalhar juntamente com o pai, que explora o mercado em busca de ideias inovadoras que mantenham a empresa dentro dos melhores institutos de saúde do país. Anualmente, avaliam os resultados da gestão do exercício de um dado período e estabelecem objectivos para o próximo, em função dos quais prepararão o orçamento que servirá de guia para a condução do negócio.

Os empresários contam com uma série de recursos que lhes permitem estabelecer as premissas sob as quais gerem os seus negócios, determinar em que mercados participar, identificar competências com as que deve contar o seu talento humano, propor metas de vendas e de custos em função de receitas esperadas. Também usam os estados financeiros mensais para medir os resultados em função das metas que foram impostas para um dado período.

As pessoas que dirigem empresas apoiam-se em ferramentas de gestão para planear, avaliar resultados e contar com suficiente informação para tomar as melhores decisões. Dentro destas encontra-se o plano de negócios, o orçamento, o fluxo de caixa e indicadores de gestão. Por outra lado, para realizar um melhor trabalho, é preciso conhecer o meio e as suas perspectivas, a concorrência, os fornecedores e potenciais clientes.

A revisão mensal dos estados financeiros é fundamental para medir os resultados da operação, para tomar decisões, para aplicar medidas correctivas a desvios que possam surgir. Assim, caso surjam custos acima do estimado, poder-se-á determinar a causa para tomar medidas a esse respeito ou se as contas por pagar estão vencidas, pode-se renegociar o seu pagamento com os fornecedores.

Numa empresa organizada ocorrem continuamente actividades de planeamento, avaliação e correcção. Na medida em que os accionistas estabelecem projecções, medem resultados, detectam problemas e aplicam soluções, encontram oportunidades e aproveitam-nas, terão maiores possibilidades para que a organização seja bem sucedida e perdure no tempo. Para isso é imprescindível que os seus directores conheçam as ferramentas que podem utilizar para tal fim.

Rafael e o pai levam a sério a tarefa de estabelecer os planos e objectivos para o próximo ano, razão pela qual se preparam com antecipação. Investigam as perspectivas do meio, a concorrência e fornecedores, identificam possíveis novos mercados e clientes potenciais. Além disso, conhecem a situação financeira da empresa através dos estados financeiros mensais, os quais comparam com o orçamento do exercício para medir o sucesso dos objectivos planeados inicialmente.

Fonte: http://finanzaspersonalesalinstante.blogspot.com

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here