Aeroporto da Madeira

0
1723

A imagem desta semana mostra o Aeroporto Internacional da Madeira, conhecido também como Aeroporto Funchal, e muitos ainda o conhecem como Aeroporto de Santa Catarina. A infra-estrutura fica situada no município de Santa Cruz, atingindo também o Município de Machico depois da última expansão da pista. Tem um movimento turístico que provém de alguns pontos da Europa e também serve como local de abastecimento para todo o arquipélago da Madeira.

O Aeroporto da Madeira foi inaugurado a 8 de Julho e 1964 com uma pista de 1600 metros de extensão. Com esta pista, o arquipélago ganhou novas ligações com as cidades continentais lusitanas pois a única forma de transporte até então entre um lugar e outro era por mar. A primeira vez que um avião aterrou na ilha foi em 1957, numa pista experimental em Santa Catarina.

Em 1972, devido à falta de capacidade da pequena pista para receber aviões capazes de receber um alto fluxo de turistas que queriam visitar a Madeira, começou a desenhar-se a ampliação da infra-estrutura para que pudesse receber voos intercontinentais. Um projecto do engenheiro Edgar Cardoso foi então apresentado, e no ano seguinte foi inaugurado um novo terminal, capaz de receber 500 mil passageiros por ano.

Entre 1982 e 1986 a pista foi aumentada para 1800 metros, e procedeu-se à ampliação da plataforma do estacionamento de aviões. A extensão foi inaugurada a 1 de Fevereiro, com a presença do então Presidente da República, António Ramalho Eanes.

Entretanto, o engenheiro António Segadães Tavares adaptou os estudos de Edgar Cardoso e planeou uma nova ampliação da pista. A 15 de Setembro de 2000 foi inaugurada a extensão da pista para 2781 metros. Está construída em cima do mar, assentando sobre 180 pilares.

Actualmente, pode receber aviões de grande dimensão como o Airbus 340 ou o Boeing 747, que esteve presente na inauguração da pista a 15 de Setembro de 2000, assim como quase qualquer tipo de aviação civil ou militar, sendo a principal porta de entrada de turistas na região, como também de correio postal, carga e outros serviços essenciais, para além dos voos domésticos.

Em 2014, o Aeroporto da Madeira registou quase dois milhões de passageiros comerciais, um recorde absoluto. O anterior foi em 2008, com menos dez mil pessoas.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here