Campanha de segurança rodoviária recebe emigrantes em Vilar Formoso

0
19

A iniciativa, que conta com a presença do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, marca uma série de ações de prevenção a decorrer em agosto.

O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, Paulo Cafôfo, vai estar presente numa ação de receção aos emigrantes de sensibilização rodoviária na fronteira de Vilar Formoso.

Esta é a 20.ª edição da campanha anual de Segurança Rodoviária «Sécur’été 2022 – Verão em Portugal», promovida pela associação de jovens lusodescendentes Cap Magellan. Na iniciativa deste sábado, realizada pela Revista Comunidades, vão estar também presentes a secretária de Estado da Proteção Civil, Patrícia Gaspar e o presidente da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR),  Rui Ribeiro.

Esta campanha, orientada sobretudo para a comunidade portuguesa residente em França, visa promover a sensibilização rodoviária junto dos emigrantes e luso-descendentes, que, nas férias de verão, viajam de carro para Portugal e tem como objetivo reduzir o número de acidentes rodoviários em viagens longas.

Esta quinta-feira, dois jovens irmãos, a viver em França, perderam a vida num acidente de carro quando regressavam a Fafe para passar as férias. O acidente ocorreu no quilómetro 94 da A-52, em Zamora, Espanha, e  a morte dos dois irmãos foi declarada no local.

Nas estradas de França, Espanha e Portugal, estarão, ao longo do mês de agosto, voluntários e membros da associação Cap Magellan a desenvolver ações de sensibilização rodoviária junto dos automobilistas em estações de serviço e nas fronteiras entre os três países.

Até ao final do próximo mês, serão distribuídos flyers nas localidades francesas de Aire de Bordeaux-Cestas, Aire des Vérités, perto de Montluçon, no troço da RCEA (Route Centre Europe Atlantique), em estabelecimentos de comércio da zona de Paris (Ile-de-France), nas associações portuguesas das regiões de Bordeaux, Corrèze, Dijon, Strasbourg, Pau, Tourcoing, nos consulados de Portugal em França, e também em Portugal, começando pelas fronteiras de Vilar Formoso, Valença e Vila Verde da Raia, passando por festivais, com o Festival Dance Floor Jump, em Braga, Festival + Soldiario, em Castelo Branco, e várias praias de norte a sul do país (Leça da Palmeira, Matosinhos, Póvoa de Varzim, Nazaré, Figueira da Foz, Vieira de Leiria, Albufeira, Armação de Pêra e Carvoeiro.

O flyer com os conselhos e as recomendações da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária também pode ser consultado por emigrantes que viajem a partir de outros países, através deste link.

Estão ainda previstas distribuições em discotecas do Norte a Centro do país e diversos locais turísticos e áreas de lazer.

Só em Portugal, nos quatro primeiros meses de 2022, registaram-se 9.618 acidentes rodoviários com vítimas, dos quais resultaram 132 vítimas mortais, 689 feridos graves e 11.137 feridos ligeiros, revelam os dados divulgados pela ANSR.

A colisão foi a causa mais frequente dos acidentes, tendo a maioria das vítimas mortais sido condutores. As viaturas ligeiras foram o tipo de veículo mais envolvido em acidentes e a infração mais frequente o excesso de velocidade.

Face a 2019, ano que a Comissão Europeia considerou como de referência para avaliação da evolução da sinistralidade rodoviária, registaram-se menos 1.594 acidentes (-14,2%), menos 48 vítimas mortais (-26,7%), menos 30 feridos graves (-4,2%) e menos 2.353 feridos leves (-17,4%), indicam os dados partilhados pela ANSR.

Este sábado, a ação que irá decorrer em Vilar Formoso, para sensibilizar os emigrantes para uma condução segura, vai também aproveitar para consciencializar para a prevenção dos incêndios, no âmbito da campanha “Emigrante Chama”, destinada a alertar os emigrantes portugueses que vêm de férias para as precauções que devem ter de forma a evitar fogos rurais e florestais.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here