Comerciante lusodescendente vítima de rapto já está em casa

0
46

Jovito Gómez, comerciante descendente madeirenses naturais da Ponta do Sol que foi raptado no passado sábado e libetado esta manhã, já se encontra são e salvo em casa. O reencontro com a família ficou marcado com a fotografia que acompanha este texto e na qual o empresário abraça o filho mais novo.

O conhecido empresário, proprietário do estabelecimento Bodegón Costa Norte, situado no setor La Sultana, em Puerto Cabello, estado venezuelano de Carabobo, foi raptado durante a manhã de sábado por um grupo de seis de homens que empunhavam armas de guerra e coletes à prova de bala com identificação da Direção Geral de Contra Inteligência Militar (DGCIM).

A ação do grupo foi filmada pelo sistema de videovigilância do estabelecimento e as imagens não deixam dúvidas. Os sequestradores, que surgiram encapuzados, possuem treino militar tendo em conta a forma confiante e coordenada como levaram a cabo a operação em pleno dia e perante a presença de transeuntes, clientes e funcionários do empresário.

Os raptores chegaram a dar ordens a transeuntes para entrar no estabelecimento, do interior do qual arrastaram depois o comerciante para o introduzir à força numa carrinha de quatro lugares com caixa aberta, que tomou depois a direção do litoral.

O veículo foi encontrado abandonado numa estrada, em Gañango. Segundo a imprensa local, os raptores terão depois levado a vítima numa lancha-rápida que aguardava o grupo na mesma zona, tendo tomado um rumo desconhecido. Mas esta informação não foi confirmada pelas autoridades policiais, uma vez que se coloca a hipótese de a embarcação que foi avistada na área ter sido usada como uma manobra de diversão.

Na manhã desta terça-feira, o empresário foi encontrado numa localidade do Estado de Falcón, situado a norte do vizinho Carabobo.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here