Deportivo La Guaira agarrado à liderança

Trujillanos, Tucanes, Caracas e Táchira perseguem no líder. Primeiro e quarto lugar separados por quatro pontos

0
948

A 12.ª jornada do Torneio Abertura, disputada entre Sábado e domingo, 1 e 2 de Novembro, teve como resultados mais relevantes as vitórias alcançadas pelo La Guaira, Trujillanos e Caracas ante Atlético Venezuela, Táchira e Carabobo, respectivamente. Sábado, no Estádio Olímpico da UCV, o Deportivo La Guaira derrotou por 3-1 o Atlético Venezuela. Imanol Iriberri (2) e Óscar González assinaram os tantos locais, enquanto que Daniel Febles descontou para os ‘nacionais’ já perto do apito final.

No dia seguinte, no CTE Cachamay, o Tucanes de Amazonas venceu, por 1-0, o Mineros de Guayana, graças ao golo anotado por Sergio Golindano.

Deportivo La Guaira 1Já o Trujillanos conquistou três pontos importantes ao superiorizar-se frente ao Deportivo Táchira, embora pela margem mínima (1-0), desta feita no José Alberto Pérez. O argentino Sergio Álvarez assinou o único motivo de festa do jogo.

No Estádio Nacional Brígido Iriarte, o Metropolitanos venceu, também por 1-0, o Zulia FC, golo que foi anotado por Christan.

Por seu turno, o Estudiantes venceu o Portuguesa por 3-1, no Estádio Metropolitano de Mérida. Pelo conjunto académico marcaram Marlon Bastardo, Over García e Winson Azuaje. O tento de honra dos visitantes foi marcado por José Jiménez

No estádio Hermanos Ghersi de Maracay, o Aragua FC somou mais três pontos ao bater, por 3-2, o Deportivo Anzoátegui. Jesús Lugo (2) e José Manríquez assinaram os tentos ‘aurirrojos’, enquanto que Rolando Escobar e Edwin Aguilar marcaram pela ‘esquadra’ oriental.

O Deportivo Lara venceu, por 4-2, o duelo que o opôs ao Llaneros de Guanare, no Estádio Metropolitano de Cabudare. Jhon Chancellor, Joel Cáceres, Edgar Pérez Greco e Marlon Fernández assinaram os tentos ‘crepusculares’. Pelo ‘batallón santo’, marcaram Darvis Rodríguz e Junior Monsalve.
En La Carolina de Barinas, Zamora Fútbol Club igualaron sin goles.

Deportivo La Guaira 2No Estádio Olímpico da UCV, o Caracas FC teve que correr atrás do prejuízo. Diego García e Carlos Suárez abriram o marcador. Mas Ricardo Andreutt e Miguel Mea Vitali conseguiram operar a ‘remontada’.
Assim ficou a classificação: La Guaira, 24 pontos; Trujillanos, 21; Tucanes, 21; Caracas, 20; Táchira, 20; Anzoátegui, 18; Aragua, 18; Carabobo, 17; Lara, 16; Estudiantes, 16; Atlético Venezuela, 16; Mineros, 14; Metropolitanos, 14; Portuguesa, 10; Llaneros, 10; Petare, 8; Zulia, 8 e Zamora, 18:

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here