Detido suspeito por homicídio de luso-venezuelano

O Ministério Público (MP) venezuelano acusou

0
854

O Ministério Público (MP) venezuelano acusou, segunda-feira, 6 de Setembro, um jovem trabalhador de uma sucursal da rede de supermercados Central Madeirense de assassinar um sindicalista luso-descendente, do qual era companheiro de trabalho.

Segundo o MP, o acusado, Johan José Meza Rojas, de 23 anos, foi detido e é suspeito “pela morte do companheiro de trabalho, Luís Mendes Correia”, de 44 anos, assassinado em Setembro passado nas proximidades do Supermercado Central Madeirense, em Las Trinitárias, Barquisimeto.

O suspeito foi ouvido por um juiz, que ratificou a prisão preventiva, numa audiência em que foi acusado do crime de homicídio qualificado.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here