Emigrante madeirense com doença oncológica terminal necessita de ajuda urgente

0
169

Um emigrante natural de São Roque, que padece de uma doença oncológica em fase terminal, precisa de apoio financeiro para suportar as despesas médicas necessárias para conter o grande sofrimento a que tem sido submetido devido ao avanço do cancro que padece desde há alguns.

“Tem de ser novamente operado, fazer exames, terapia a dor e quimioterapia. O seu estado de saúde é muito grave e necessitamos de ajuda”, disse ao JM, em jeito de apelo, Auristher Pinto, Cônsul Honorária de Portugal em Mérida, capital do Município Libertador, Estado de Mérida.

“Já estamos a tratar de ver como ajudar no aspeto médico. Mas a família, que está inserida num meio social precário e complexo, precisa urgentemente de ajuda económica para encarar esta emergência”.

O sanroquino, de 74 anos, está a ser acompanhado por médicos da comunidade portuguesa, que têm feito o possível para ajudar. Mas falta dineiro… “Por favor, peço a todos para ajudarem, mesmo com poucas quantias de dinheiro. Se formos muitos, poderemos aliviar as suas necessidades urgentes”, apelou a cônsul honorária.

A recolha de fundos está a ser feita através de uma conta corrente criada no Banco da Venezuela (N -0102 0441 1500 0066 8918), em nome da esposa do paciente, Yrene Quesada de Pestana (C I 11.465.562), cujo contato telefónico é 04247301852.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here