“Este é o maior fórum de captação de investimento e de promoção do Tâmega e Sousa alguma vez realizado”

0
410

Nas boas-vindas aos presentes, o presidente da Câmara de Penafiel falou de um concelho com história e tradição, mas de olhos postos no futuro. Destacando o município como sendo “amigo das famílias”, Antonino de Sousa frisou que este concelho “aposta na captação de investimento criando políticas favoráveis aos investidores”. Ainda recentemente, lembrou, foram assinados contratos de apoio ao investimento que vão permitir a criação de 1.000 postos de trabalho em Penafiel.

“Este é o maior fórum de captação de investimento e de promoção do Tâmega e Sousa alguma vez realizado”, defendeu o autarca, elogiando as pessoas que “com energia, determinação e arrojo um dia saíram do país para procurar oportunidades”. “Estamos orgulhosos com o sucesso que conquistaram com empenho e trabalho”, disse, afirmando acreditar que este encontro vai ter “um impacto positivo na região. “Esta é uma oportunidade para a afirmação e projecção do Tâmega e Sousa”, defendeu o presidente da Câmara.

Já Armando Mourisco, presidente da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, entidade que organizou o evento juntamente com a Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas, através do Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora, falou de um território heterogéneo, com mais de 420 mil habitantes que representam mais de 4% da população nacional.

“O Tâmega e Sousa é ainda a sub-região mais jovem do norte de Portugal”, realçou, lembrando que o tecido económico, com vários sectores chave, é composto sobretudo por empresas de pequena e média dimensão. “As nossas empresas têm uma taxa de sobrevivência de empresas superior à média nacional”, avançou o autarca de Cinfães. Apontando alguns indicadores do Tâmega e Sousa, Armando Mourisco referiu que a região representa 7,7% das exportações do Norte e tem muito potencial empresarial e turístico.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here