Feira de Arte Contemporânea JustLX regressa a Lisboa em maio com novo espaço

0
51

A JustLX – Feira de Arte Contemporânea de Lisboa vai regressar à capital portuguesa, de 19 a 22 de maio, com 28 galerias de arte, num novo espaço, o Centro de Congressos de Lisboa, em Belém, anunciou hoje a organização.

Forçada a adiar as últimas edições, em 2020 e 2021, devido à pandemia, a feira, que aposta em artistas emergentes, vai apresentar galerias oriundas de diversos países, nomeadamente Portugal, Espanha, França, Estados Unidos da América, Venezuela e China.

Em terceira edição em Lisboa, o certame, que se realiza em Madrid há 13 anos, é um evento que «aposta em novas galerias e artistas contemporâneos que permitem descobrir novos talentos», sublinha o comunicado da organização.

«Apesar das circunstâncias globais que nos obrigaram a adiar a JustLX, temos agora toda a energia concentrada numa grande edição, em 2022, que fortaleça as vendas das nossas galerias em grandes coleções, e continue o trabalho de disseminar a arte contemporânea emergente entre colecionadores nacionais e internacionais», assinalam Semíramis González e Óscar García, diretores Artísticos da feira, citados no comunicado.

Esta edição contará ainda com uma instalação artística colaborativa que combina sustentabilidade ambiental e um compromisso com o mundo rural.

A instalação intitula-se «Acequia 41», e foi criada na residência artística Ras de Terra, em Villanueva de la Vera, Cáceres, Espanha, por Isabel Flores, Tamara García, Natasha Lelenco e Rafael Blanco, sob a direção criativa da artista Mónica Sánchez-Robles.

Ras de Terra faz parte da New European Bauhaus, um pacto verde promovido pela Comissão Europeia que abre novas oportunidades de desenho e criação.

A JustLX é organizada pela Art Fairs, uma empresa espanhola promotora de feiras de arte e eventos culturais.

Desde 2009, a Art Fairs organiza as feiras Madridfoto (Feira Internacional de Fotografia), a JustMAD (Feira Internacional de Arte Emergente), a Justmadmia (Feira Internacional de Arte Emergente de Miami) e a Summa (Feira Internacional de Arte Contemporânea).

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here