Fotoflash 619

0
824

Na ilha da Madeira continua a ser tempo de arraiais e celebrações religiosas, sempre muito animadas pelos emigrantes em férias. Neste ano, em que as dificuldades económicas e de compra de bilhetes de avião se evidenciaram na Venezuela, há menos conterrâneos nas festas madeirenses, mas mesmo assim, verifica-se a presença de muitos, atraídos sobretudo pela devoção a Nossa Senhora do Monte, e na organização de outras festas litúrgicas que se realizam, ao redor da ilha, no Verão. Os arraiais na Madeira tornaram-se, nos últimos anos, em festas de moda, com programas em que intervêm artistas de nomeada a nível nacional, e com uma presença massiva de jovens que aderem aos festejos para quem não faltam até as sessões de DJ’s noite fora, depois da actuação da banda filarmónica do concelho, da estrela musical que veio de Lisboa ou de outro país estrangeiro, do bolo do caco e da espetada. Muita animação e a participação de madeirenses de várias origens desperta atenções. As televisões por lá andam, conquistando audiências e em directo nos canais internacionais. “Quem canta seu mal espanta”!…

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here