Gil Vicente vence em Leiria e segue para os oitavos de final da Taça de Portugal

0
50

O Gil Vicente garantiu um lugar nos oitavos de final da Taça de Portugal de futebol, derrotando a União de Leiria 3-0, partida em que a equipa de Barcelos foi mais competente e resolveu cedo a eliminatória.

A equipa de Barcelos não facilitou e confirmou o favoritismo perante uma formação do Campeonato de Portugal que tinha afastado na eliminatória anterior um conjunto da I Liga, o Portimonense.

Os espaços que a União de Leiria permitiu acabaram por ser fatais, permitindo ao Gil obter uma vantagem confortável nos primeiros 20 minutos.

A equipa da casa ainda assustou o Gil Vicente aos três minutos, num remate perigoso de Andrezinho à entrada da área, desviado para canto por Denis.

Mas a organização da equipa da casa, com cinco homens atrás, dois médios e três avançados abertos na frente, foi um convite que a equipa de Barcelos agradeceu.

Com muito espaço disponível na linha média, o Gil Vicente progrediu facilmente pelos dois flancos, abanando a estrutura contrária.

Aos nove minutos, essa liberdade rendeu o primeiro golo ao Gil Vicente: canto na direita, a bola sobrou para a zona central e Claude Gonçalves rematou de primeira, com o pé direito, levando a bola à base do poste direito da baliza de Helton antes de entrar.

O guarda-redes brasileiro, que se atirou tarde nesse lance, pareceu mal colocado no 2-0, aos 21 minutos, quando Fujimoto cruzou da esquerda e Renan cabeceou a bola em arco, ao ângulo superior direito, por cima de Helton.

Sem capacidade de resposta, a formação do Campeonato de Portugal só ganhou ascendente após o intervalo, quando o treinador Hélder Pereira abdicou de um dos três centrais e compôs o meio campo.

A União de Leiria cresceu, empurrou o Gil Vicente e quase conseguiu reduzir aos 53 minutos, quando Victor Massaia rematou contra Denis, na pequena área.

Apercebendo-se da quebra da equipa, Ricardo Soares lançou três habituais titulares: Lucas Mineiro, Lourency e Samuel Lino.

Quinze minutos depois, a aposta resultou. Saída muito rápida de Lourency na direita e assistência para o 3-0 fácil de Samuel Lino.

Acabavam as dúvidas: a vitória e o apuramento para os oitavos de final da Taça de Portugal eram certos, recompensando a competência do Gil Vicente, que encontrará o Académico de Viseu na próxima ronda.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here