Guárico já tem representação folclórica

O agrupamento luso-venezuelano espera realziar um intercâmbio cultural com outro grupo fora de Venezuela

0
884

O Rancho Folclórico Costumes e Tradições de Portugal foi fundado a 21 de Abril de 2009 na cidade de San Juan de Los Morros, no Estado Guárico. Na base da iniciativa de um grupo de luso-descendentes estava a intenção, e mesmo a confessa necessidade que a comunidade lusitana sentia de viver os seus costumes e tradições.

O presidente e director artístico do grupo, Duarte José Macedo, disse ao CORREIO que anualmente se festeja na localidade a Virgem de Fátima, facto que os motivou para a constituição do agrupamento que assim mostrou à cidade um pouco mais da vida e do sentir dos Portugueses.

Sobre o nome do grupo, este luso-descendente comenta que decidiram baptizá-lo como rancho folclórico “porque na maioria os outros agrupamentos denominam-se grupos folclóricos e há só um com essa designação de rancho folclórico. Agora somos o segundo da Venezuela”.

Actualmente o rancho folclórico luso-venezuelano está constituído por 42 elementos activos, além de outros colaboradores. Mesmo assim, a maioria dos integrantes são luso-descendentes e apenas oito são crioulos, esclareceu-nos Duarte Macedo.

O presidente do rancho folclórico confessou-nos que um dos seus sonhos seria fazer um intercâmbio cultural, fora de Venezuela, com outro grupo semelhante lusitano: “Seria um sonho feito realidade poder partilhar com grupos do exterior. A possibilidade existe e o limite dos nossos sonhos é o infinito”.

Por último, Duarte José Macedo agradece a todos os que o têm apoiado neste trabalho, assim como ao grupo matriz de onde saiu e ao seu novo agrupamento: ‘Rancho Foclórico Tradiciones y Costumbres de Portugal’.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here