Jardim Municipal do Funchal

0
977

A imagem desta semana mostra o Jardim Municipal do Funchal e foi tirada no início do século XX. Também conhecido como Jardim Dona Amélia, encontra-se onde noutros tempos estava o Convento de São Francisco, no lado Norte da Avenida Arriaga. Aqui encontrará flora da Madeira e de muitas outras partes do mundo.

Neste espaço estava erigido antigamente o Convento de São Francisco, do qual se conserva a Pedra de Armas, em exposição num dos relvados. O jardim possui belos exemplares da flora da Madeira e de muitas outras partes do mundo, e as espécies de maior interesse estão identificadas.

Com uma localização privilegiada no centro da cidade, este jardim possui, além disso, um lago com aves e peixes. Vale a pena destacar ainda algumas obras de arte e um auditório onde se realizam diversas actividades culturais.

De todos os conventos que existiram no Funchal, só o de Santa Clara e o do Bom Jesus sobreviveram. Os conventos da Encarnação, das Mercês e de São Francisco foram ou demolidos ou acabaram em ruínas, perdendo-se para sempre uma importante herança cultural.

Quando os franciscanos chegaram pela primeira vez, assentaram-se num modesto lugar e depois de uns anos fora da ilha, formaram temporariamente a sua comunidade no antigo Hospital de São João, começando a procurar um lugar mais conveniente para erguer o seu próprio convento. Encontraram-no nos terrenos onde hoje está situado o Jardim Municipal e o Teatro Municipal.

Em 1878, a câmara formou uma comissão de dois conselheiros para realizar o projecto de um jardim nos terrenos do extinto convento. Em 1885, o jardim recebeu o nome de Jardim Municipal, depois mudou para Jardim Dona Amélia, em recordação da rainha, mas hoje em dia as pessoas continuam a chamá-lo Jardim Municipal.

Com cerca de 8300 metros quadrados de belas flores, plantas e árvores autóctones da Madeira, assim como de outras muitas espécies exóticas de todo o mundo, este jardim é actualmente uma grande zona de recreio com áreas de sombra, um pequeno lago com patos e cisnes, um café e um anfiteatro com um palco coberto, onde se realizam com frequência concertos e outras actuações.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here