Jovem venezuelano rouba US$ 1 milhão em bitcoin e finge ser sequestrado

0
33

Um venezuelano de 23 anos está sendo procurado pelas autoridades, acusado de roubar mais de US$ 1 milhão em bitcoin (BTC) e aparentemente fingir ser sequestrado. Andres Jesus Dos Santos Hernandez se passava por um consultor financeiro na Venezuela, mas usou sua posição para acessar indevidamente as criptomoedas de seus clientes e então desaparecer.

Segundo Douglas Rico, chefe do Corpo de Investigações Científicas, Criminais e Criminalísticas da Venezuela (CICPC), uma agência nacional equivalente ao FBI dos EUA, o jovem alegou ter sido sequestrado e então forçado a sacar os fundos que somam 23,66 bitcoins. O montante equivale a cerca de US$ 1,15 milhão, de acordo com a cotação do ativo no momento de fechamento desta matéria.

Porém, as autoridades acreditam que a história contada por Hernandez é falsa e que ele estaria tentando encobrir sua culpa. No momento, o homem está foragido, diz o CICPC. Alertas locais já foram emitidos, incluindo uma postagem no Instagram com a foto de Hernandez em um cartaz de «procurado». Ainda não está claro, no entanto, se a agência pretende emitir alertas internacionais, pois o golpista pode já ter fugido para outro país.

A Venezuela se tornou um dos principais países a popularizar a adoção de moedas digitais. De acordo com o Índice Global de Adoção de Criptomoedas de 2021 da empresa de análise de dados em blockchain Chainalysis, a nação está na sétima posição no quesito de aceitação da tecnologia, ao lado do Quênia e Nigéria.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here