Luís Duque dá prioridade à resolução do “grave cenário” financeiro

0
788

O novo presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Luís Duque, pretende dar prioridade à resolução do “grave cenário” financeiro do organismo e apelou à união, no momento em que substituiu Mário Figueiredo no cargo.

No seu discurso de posse, o antigo dirigente do Sporting informou que, com intervenção directa do Conselho Fiscal, com quem ainda hoje iria reunir, irá “procurar conhecer a real situação financeira da Liga”, a qual dará a conhecer no próximo Conselho de Presidentes, o qual convocará “para as próximas semanas”.

A direcção de Luís Duque foi eleita segunda-feira, 28 de Outubro, com uma maioria expressiva dos votos da Assembleia-Geral eleitoral (46 em 54 possíveis) e, apesar de ser lista única, surgiu apoiada pelos emblemas mais representativos, com o Benfica e o FC Porto à cabeça, mas com o Sporting auto-excluído.

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, esteve presente na tomada de posse de Luís Duque, que contou ainda com a presença dos presidentes dos principais clubes que o apoiaram, com destaque para Luís Filipe Vieira (Benfica), António Salvador (Sporting de Braga), Júlio Mendes (Vitória de Guimarães) e Tiago Ribeiro (Estoril-Praia), enquanto o FC Porto se fez representar por Antero Henrique, administrador executivo da SAD portista.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here