Mapa mostra impacto ambiental do que já foi consumido

0
944

Tudo o que consumimos tem custos que vão muito para além do seu indicador de preço. Às vezes, esquecemo-nos de que as fábricas onde são produzidos os produtos tecnológicos e até cultivados os alimentos que consumimos nalgum momento foram florestas tropicais ou bosques espetaculares. E, como esperado, todas as compras do consumidor afetam a biodiversidade.

Daniel Moran, da Universidade de Ciência e Tecnologia da Noruega e Keiichiro Kanemoto, da Universidade de Shinshu do Japão, desenvolveram uma técnica que lhes permite identificar as ameaças à vida selvagem causada por cadeias de suprimentos globais. Com essa informação, criaram uma série de mapas do planeta que mostram as ameaças para cada país. O estudo foi publicado na versão online da revista Nature Ecology & Evolution.

Os pesquisadores calcularam a percentagem de ameaça a uma espécie num país devido ao consumo de bens de um outro, concentrando-se em 6.803 espécies de animais marinhos e terrestres vulneráveis, em perigo de extinção ou em estado crítico, segundo a definição da Unión Internacional para la Conservación de la Naturaleza (UICN) e BirdLife International.

Por exemplo, os investigadores descobriram que o consumo norte-americano provocou ameaças a espécies terrestres no sudeste da Ásia e em Madagáscar, mas também no sul da Europa, o Sahel, as costas leste e oeste do México, América Central, Ásia Central e no Sul do Canadá. Talvez uma das maiores surpresas foi que o consumo dos Estados Unidos também provocou ameaças de espécies no sul da Espanha e Portugal.

De acordo com os autores do estudo, ver a ligação entre o consumo e os impactos ambientais, proporciona uma oportunidade importante para que os governos, as empresas e os indivíduos obtenham uma opinião informada desses impactos para que possam encontrar formas de os neutralizar.

As empresas poderiam usar esses mapas para descobrir onde seus núcleos são de impacto ambiental e fazer alterações. Além disso, uma vez que sabemos qual é o impacto ambiental, muitas pessoas em toda a cadeia de abastecimento podem contribuir para minimizar o impacto.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here