O que não sabia sobre as férias

0
781

Chegaram as férias de Verão e seguramente os pais que começam a preocupar-se por não saber o que fazer com os inquietos filhos perguntam-se: Quem teve esta ideia genial? Pois bem: Nesta oportunidade trazemos alguns dados sobre as férias que acabarão por fazê-lo rir.

A origem das férias está na antiga Roma, onde se criaram os dias vagantes, que eram os dias em que as pessoas trabalhavam mas estavam isentas das obrigações religiosas. Depois, na Idade Média, os campesinos tinham direito às férias judiciais, ou seja, direito a não serem citados pelos tribunais durante os dois meses do trabalho mais intenso no campo, que coincidiam com o Verão. Como os juízes tinham pouco trabalho nessas datas, decidiram tirar o Verão para descansar, e por isso paravam três meses.

Se você é dos que vai à praia, interessar-lhe-á saber que a cenoura vai ajudá-lo no bronzeado, mas um grupo de médicos dermatologistas de Madrid adverte que se for ingerida em excesso pode deixar uma cor demasiado alaranjada.

Ainda na questão do bronzeado, destaque para as pessoas que sofrem do vício do bronzeado, e isso tem uma explicação, já que a exposição aos raios ultravioletas estimula a libertação de endorfinas, o que lhes levanta o ânimo e faz com que se sintam mais satisfeitas consigo mesmas.

Os mosquitos também se acumulam na costa, e ainda que pense que eles têm dentes, a verdade é que não têm. Acontece que a boca destas insectos possui umas partes laterais que formam um tubo rígido com o qual picam e sugam sangue. O interessante é que só as fêmeas o fazem, e não como alimento, mas sim para amadurecer os ovos.

Por último, se é dos que gosta de castelos de areia, deve saber que um grupo de cientistas americanos publicou a receita para fazer uma boca construção na praia: Assim, se quiser fazer um castelo de areia perfeito, são necessárias oito partes de areia por uma de água.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here