Protesto pela suspensão de voos da tap para a Venezuela

0
158

No plenário madeirense, a maioria apresenta votos contra a suspensão desse serviço, com críticas mútuas com a oposição, não ao seu conteúdo, mas sim em relação ao comportamento da República nesta matéria.

Entre os votos que sobem hoje a plenário, todos de protesto, merece referência acrescida pois relacionados com a Venezuela. O PSD protesta ‘o regime de Nicolas Maduro por suspender a ligação aérea entre Portugal e a Venezuela e prejudicar a comunidade portuguesa e lusodescendente”.

Da bancada do CDS, chegou o protesto ‘pela suspensão de vosso da TAP para a Venezuela”. Em ambos os casos foram deixadas duras críticas à “passividade” da República nesta matéria.

Victor Freitas saiu em defesa do governo da república, condenando também ele o que se vai passando na Venezuela, criticando as constantes colagens da maioria de Nicolas Maduro ao socialismo. E lembrando que “a história não começou em 2015” rebuscando a deslocação de Hugo Chavéz à Madeira.

Há ainda um voto de protesto pelo ‘desinteresse e inoperância, por parte do Governo Regional, na conclusão da estrada de ligação entre o Caminho do Lugarinho e a Estrada Regional 237’, na Água de Pena.

Nas críticas, Paulo Alves juntou-se à exposição inicial de Avelino Conceição, aludindo a uma obra que se iniciou “há 19 anos e não está ainda concluída”. O deputado do JPP comparou com o Porto de Recreio de Santa Cruz e Ricardo Lume lembrou-se de outras promessas, como os 40 euros mensais que os profissionais de saúde ainda não recebem.

Em defesa do Governo, Cláudia Gomes, do PSD, aludindo ao atraso a “empecilhos técnicos, jurídicos e financeiros”, criticando a autarquia de Machico por ‘não ajudar’ nesta questão”, no que foi seguido por Lopes a Fonseca.

Por último, ainda no que toca a protestos, há um outro do JPP intitulado ‘pela excecional falta de solidariedade dos deputados da Assembleia da República para com as Regiões Autónomas”.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here