PS quer agilizar processos de regularização de cidadãos venezuelanos em Portugal

0
25

Os deputados do Partido Socialista à Assembleia da República Marta Freitas e Paulo Porto Fernandes, na qualidade de membros do Grupo Parlamentar de Amizade Portugal – Venezuela, defendem a importância de sensibilizar as autoridades daquele país para facultarem os documentos necessários para que os imigrantes e luso-descendentes que vêm para Portugal possam regularizar a sua situação e obter a autorização de permanência.

No âmbito de uma reunião do referido Grupo Parlamentar de Amizade, a deputada madeirense deu conta das dificuldades que lhe têm sido reportadas por cidadãos venezuelanos a residir na Madeira, que ainda não têm nacionalidade portuguesa e que precisam de regularizar a sua situação no nosso país. Tal como explicou, para tal, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras exige a apresentação de um título de viagem ou passaporte válido, mas, segundo informação adiantada por estes cidadãos, «não tem sido possível através da Embaixada da Venezuela em Portugal obter estes documentos, nem por outra via, o que dificulta o processo de obtenção de permanência em Portugal».

«Consideramos que seria importante sensibilizar as autoridades venezuelanas, no sentido de emitirem esses documentos essenciais para que estes cidadãos se regularizem no nosso país», disse Marta Freitas.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here