Reciclagem para a vida

0
1009

Desde 1994 que se celebra, todos os anos, o Dia Internacional da Reciclagem, a 17 de Maio, com uma única finalidade: A de promover entre os cidadãos do mundo uma maior responsabilidade sobre a matéria e os desperdícios que prejudicam a Natureza.

Ainda que pareça um assunto do qual a Venezuela está ainda muito afastada, o certo é que este dia foi celebrado em grande, e contra todos os prognósticos, com uma grande quantidade de actividades que se realizaram entre sexta, dia 15, e domingo, 17, através das quais se promoveu a reciclagem como um hábito.

Isto não só aconteceu com empresas e entidades governamentais mas também com iniciativas independentes, com instituições, associações civis, fundações e inclusive designers a reunir-se para receber toneladas de materiais para reciclar.

Tendo em conta estas iniciativas, pareceu-nos importante ressaltar a grandeza destas actividades, às quais há cada vez mais pessoas a juntar-se, e que deveriam tornar-se rotinas municipais.

Ainda que o leitor possa não acreditar, a reciclagem contribui para uma importante poupança de energia, reduz a contaminação, poupa matérias-primas, leva à redução do volume de resíduos, o que por sua vez permite preservar recursos naturais.

A reciclagem tem um símbolo, que representa cada um dos processos para reduzir, reutilizar e reciclar. O referido símbolo foi criado em 1970 por Gary Andersen, que na altura era estudante da Universidade da Califórnia do Sul.

Ainda que na Venezuela não se tenham posto em funcionamento técnicas de reciclagem permanentes, vale a pena destacar que existe um protocolo internacional para canalizar os resíduos, através das cores dos contentores. Por exemplo, o contentor verde destina-se às embalagens de vidro, os cinzentos para os resíduos de metal, os de cor azul para o cartão e jornais. O contentor de cor laranja é para os resíduos orgânicos, entre os quais se incluem o papel higiénico e o papel absorvente, e por último o amarelo, para os resíduos de plástico. Lembre-se, pense verde.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here