Talento nacional presente na Exib Música 2016 em Portugal

Os venezuelanos participaram em várias atividades com a finalidade de oferecer ferramentas para o desenvolvimento do mercado musical na Venezuela

0
698

Ommyra Moreno Suárez

Pelo terceiro ano consecutivo, talentos crioulo tiveram a oportunidade de se apresentar na cidade de Évora, em Portugal, como parte da III Edição da Expo Ibero-americana de Música Exib Música 2016, que começou na passada quarta-feira 4 de maio e se prolongou até o sábado 7 de maio.

Os acordes venezuelanos se ouviram através das cordas de C4 Trío, que participaram no concerto promocional do sábado 7 de maio, às 21h00 (hora de Évora) e nos encontros empresariais programados pela organização do evento. Da mesma forma, como parte da estratégia de impulsionamento da economia cultural no país, o Ministério do Poder Popular para a Cultura (MPPC) apresentou a II Edição da Feira Internacional da Música da Venezuela (Fimven) 2016, a cargo de José Jesús Gómez, diretor geral do Instituto das Artes de Cena e Música. Neste sentido, Gómez também cumpre uma complicada agenda de trabalho ao assistir ao I Encontro de Imprensa pela Música Ibero-americana, ao II Encontro de Festivais pela Música Ibero-americana e várias atividades com finalidade de oferecer ferramentas para o desenvolvimento do mercado musical na Venezuela.

Exib Música é um evento desenhado para executar todas as ações prórpias de um mercado, exclusivamente focado na promoção e difusão da música da América Latina, Espanha e Portugal, convertendo-se num único circuito com estas caraterísticas na Europa, aumentando valor à indústria da música ibero-americana desde as premissas do impulso, diversidade, compromisso e identidade. A Venezuela participou nas duas edições anteriores do marcado europeu. A primeira oportunidade foi em 2014, ocasião que serviu para dar a conhecer o projeto Agência de Representação de Artistas (ARA), acompanhando a delegação crioula José Alejandro Delgado. Os convidados nesta segunda edição de Exib Música de 2015 foram Francisco Pacheco e o seu povo, juntamente com Laura Guevara, e o evento serviu para apresentar aos programadores internacionais a I edição da Feira Internacional de Música da Venezuela (Fimven). Ambas as edições se realizaram em Alhóndiga Bilbao.

Dejar respuesta

Please enter your comment!
Please enter your name here